quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Representacao discente de alunos de cursos a distancia

Os alunos a distância estão na minha opinião a ser discriminados de uma efetiva participação na vida universitária, através do Diretório Central de Estudantes (DCE).

Um exemplo, é a noticia puclicada hoje no jornal o "Pioneiro" da cidade de Caxias do Sul.

De acordo com a noticia:

Os estudantes da Universidade de Caxias do Sul (UCS) estão elegendo o comando do Diretório Central de Estudantes (DCE). Cerca de 28 mil acadêmicos dos campi, núcleos e cidade universitária estão aptos a participar da eleição. Apenas os alunos do Ensino a Distância não votam.

Como encontrar formas de possibilitar uma efetiva participação dos alunos de cursos na vida acadêmica das IES?

Postado por Joao Jose Saraiva da Fonseca em 02 de dezembro de 2009

Um comentário:

João Matias Santos disse...

O caso é de impugnação da eleição, pois, após rápida vasculhada pela WEB encontrei estatutos de DCEs, e nada consta neles que impeçam os estudantes na modalidade EAD de votarem e serem votados.
Como o caso é recorrente creio que medida jurídicas devam ser tomadas a respeito.