segunda-feira, 8 de junho de 2009

Ministro da educação fala sobre a EAD

De acordo com o Jornal Estado de Sao Paulo, no debate promovido pelo Grupo Estado, na segunda-feira dia 8 de junho de 2009, entre o ministro da Educação, Fernando Haddad, e o secretário de Educação de São Paulo, Paulo Renato; o ministro da educação, referiu não estabelecer diretamente uma ligação entre qualidade e modalidade de ensino, mas admite que " tem preferência" pelo curso presencial. No entanto, não descarta os cursos semi-presenciais. "Nem sempre é possível (ser presencial), sobretudo para professores em serviço que estão em regiões muito distantes dos grandes centros. Ele pensa que um polo de formação de professores, mesmo a distância, que dê condições a esse professor voltar para sala de aula, manter interação com um tutor, com professor universitário, receba material de qualidade, eu penso que é uma solução que pode ajudar boa parcela do magistério."


Postado em 8 de junho de 2009 por João José Saraiva da Fonseca

Nenhum comentário: