segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Da vida política à vida higiênico-romântica




Jurandir Freire apresenta em vídeo idéias experimentais sobre o tema:

Da vida política à vida higiênico-romântica: percurso da subjetividade na cultura do Ocidente

A conferência enfatizará a mudança da noção de vida, tomando como marcos a vida política da Antigüidade grega, a vida espiritual do cristianismo pré-moderno e a divisão da idéia de vida produzida nos séculos XVIII e XIX pelo pensamento político-científico e pelo pensamento filosófico-literário. Buscaremos mostrar como em todos estes períodos históricos a identidade do sujeito dependia de instâncias transcendentes que conferiam um sentido e um valor a vida, os quais vêm sendo contestados pelas atuais concepções de vida difundidas pelos saberes econômico-científicos e pela cultura do espetáculo.

Data do Evento:27/10/2006


O que é a vida? A tarefa de definir a vida acompanha a história do pensamento humano, da Grécia Antiga até atualidade. Um elemento que sempre esteve associado a esse debate foi o corpo. Que importância ele possui para a definição da vida? No princípio, o corpo ocupava uma posição marginal. Com o passar dos tempos passou a ocupar um lugar de destaque, de tal modo que pensar hoje em qualidade de vida significa medir a saúde do corpo. As diferentes concepções de vida e de corpo serão apresentadas no programa pelo psicanalista Jurandir Freire Costa.


Assista ao vídeo clicando aqui.

Postado por João José Saraiva da Fonseca em 15 de setembro de 2008

Nenhum comentário: